Assuntos afins de Homeopatia

• principal • acima • eventos gerais em Homeopatia e cia • anunciantes •

• anterior • principal • acima • próxima •

 

Correntes da Agricultura Sustentável

 

Biodinâmica

É a mais antiga das propostas de agricultura orgânica. Surgiu na Alemanha, em 1924, formulada pelo austríaco Rudolf Steiner, pai da antroposofia. Steiner acredita que a terra é um organismo vivo e que seu cultivo está sujeito a forças dinâmicas não-materiais. Seu método é mais uma postura de trabalho do que um conjunto de técnicas. A biodinâmica segue os princípios da homeopatia e aplica no solo e nas plantas compostos líquidos de alta diluição feitos com ervas medicinais, esterco e sílica.

A entidade de certificação biodinâmica é a Demeter-Internacional. Fundada em 1997, ela abrange 3.000 produtores de 35 países e, no Brasil, seu selo é concedido pelo Instituto Biodinâmico.

 

Natural

Criada filósofo japonês Mokiti Okada nos anos 30. Ele preconiza a busca da harmonia, da saúde e da prosperidade entre os seres vivos como fruto da conservação do ambiente natural e respeito às suas leis. Mokada propõe reciclar os recursos naturais para enriquecer o solo e fazê-lo emanar sua força e proteger os mananciais de água, criando uma corrente sadia que vai do solo e da água às plantas, aos animais e aos seres humanos. A agricultura natural produz seus próprios adubos orgânicos e não utiliza estercos.

No Brasil é impulsionada pela Fundação Mokiti Okada, que também certifica os alimentos, e pela Korin Agricultura Natural Ltda.

 

Permacultura

Soma das palavras agricultura e permanente, a Permacultura é a mais recente filosofia de agricultura alternativa. Foi formulada pelo biólogo, naturalista e professor australiano Bill Mollison no livro Permaculture One (Permacultura Um, 1978). Ela propõe a criação de sistemas integrados e autosustentáveis que produzam todos os materiais para suas necessidades e reciclem seu lixo. A proposta abrange arquitetura, jardinagem, agricultura, ecologia e técnicas de gerenciamento. O permacultor procura manter a diversidade de espécies dos ecossistemas em que trabalha, respeitando as distâncias naturais entre uma e outra planta e intercalando árvores frutíferas e para corte de madeira, verduras, legumes e outras.

A proposta é muito utilizada nas regiões norte e oeste do Brasil.

 

Bio-Orgânica

Corrente dominante nas regiões de língua alemã, a Bio-Orgânica surgiu na Suíça, nos anos 50, a partir de experiências do agricultor austríaco Hans Müller e sua mulher, Maria Müller. A proposta foi inspirada inicialmente na filosofia de Rudolf Steiner, pai da agricultura biodinâmica, e depois passou a agregar informações de outros pesquisadores. As idéias, os princípios e os métodos da agricultura bio-orgânica são basicamente os mesmos da Orgânica.

Os bio-orgânicos formam na Suíça a associação BioSuisse e, na Alemanha, a Bioland.

 

Orgânica

É a mais difundida das formas ecológicas atuais de produção. As correntes britânica e americana nasceram dos estudos de sir Albert Howard, que pesquisou e testou os métodos de agricultura natural usados na Índia em diferentes períodos entre 1905 e 1940. A agricultura orgânica é um método ecológico que produz alimentos saudáveis mantendo a qualidade biológica do solo, das águas, do ar e das espécies animais e de insetos. Usa como ferramentas os cultivos integrados, a rotatividade de culturas, a integração de espécies animais, o uso de adubos compostados de resíduos orgânicos.

Ela admite o uso de compostos minerais e estercos animais. Remédios e substâncias químicas para combater doenças e pragas são aceitos a critério e sob acompanhamento das certificadoras para manter vivos os animais e as plantações.

 

 

fontes:

http://www.uol.com.br/claudiacozinha/portal/secoes/organicos/correntes.shtml   em 23/04/03

Agricultura Sustentável. Cadernos de Educação Ambiental. São Paulo (Estado). Secretaria do Meio Ambiente / Coordenadoria de Biodiversidade e Recursos Naturais. Agricultura Sustentável. Kamiyama, Araci. São Paulo: SMA, 2011.

 

 

• anterior • principal • acima • próxima •
 

vet_e_cao_3.gif (3083 bytes)

construída e administrada por Maria Thereza Cera Galvão do Amaral
Criado em 1999. Revisado: novembro, 2014.

Licença Creative Commons
Escritos de Maria Thereza do Amaral são licenciados sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 3.0 Não Adaptada.
Permissões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://www.mthamaral.com.br/.